Mário Bittencourt fala sobre possível SAF do Fluminense e revela atual dívida do clube: “Cerca de 740 milhões de reais”

Compartilhe

Em entrevista dada ao YouTube do Saudações Tricolores, o presidente do Fluminense, e candidato à reeleição para o cargo, Mário Bittencourt foi questionado sobre uma possível SAF no Fluminense e sobre o acordo com o banco BTG. O atual mandatário tricolor revelou que o projeto está avançado, com a instituição financeira já buscando um investidor para o clube, mas afirma estar calmo e paciente para poder executar o melhor formato para o Flu.

Foto: Reprodução / Saudações Tricolores

Nós assinamos um contrato com o banco BTG há cerca de um ano, onde o BTG está buscando um investimento qualificado no Fluminense. Hoje estamos na fase 3, indo para 4 do projeto, sendo justamente o BTG ir buscar esse investidor. Existem algumas modalidades desse investimento, não estando excluída a modalidade de SAF, mas, no nosso conceito, uma SAF diferente de essas que estão sendo feitas no Brasil. Com todo respeito, não está havendo nenhuma SAF montando times espetaculares e milionários, até porque os clubes estão com multas gigantes, e os investidores que compraram, com o clube, as dívidas para pagá-las também. Então está muito claro que essas primeiras SAFs foram de clubes que jogaram a segunda divisão, numa situação praticamente de falência, com exceção do Bahia, os chamados “SAFs resgate”, para salvar algo que não tinha outro caminho. O Fluminense fez um trabalho de restruturação e renegociação de suas dívidas nos últimos três anos e meio, tem tranquilidade de avaliar um projeto de investimento qualificado específico para o Flu, e é isso que o BTG vem desenhando para a gente ao longo desse ano e 2023 iremos ao mercado em busca de um investidor.

Mário Bittencourt também revelou em quanto está a dívida do Fluminense atualmente. Ele falou que, atualmente, se encontra na casa dos R$ 740 milhões.

A gente encontrou a dívida na casa dos R$ 800, pagamos uma grande quantidade de dívida, mas os juros e a correção dela fizeram com que ela fosse reduzida na gestão, mas se mantivesse no patamar de, aproximadamente, R$ 740 milhões. Essa dívida hoje está planificada, nós temos o RCE, onde está a dívida cível-trabalhista organizada para ser paga por mês, o ProFut também, agora com as CNDs o passivo está equacionado, e as dívidas da FIFA também estamos pagando em parcelas. Então o clube sabe o que tem para pagar, não tem mais penhoras diárias, sufoco de fluxo de caixa, tanto que mantivemos salários em dia nos últimos dois anos. Então a ideia é que o clube receba um investidor, mas que ele veja que o Fluminense é um clube diferente, que se preparou para receber esse investimento.

As eleições ocorrerão no próximo sábado (26). Mário Bittencourt terá como concorrentes ao cargo de presidente Rafael Rolim e Marcelo Souto. O último, inclusive, também será entrevistado pelo Saudações Tricolores amanhã (22) no mesmo formato no qual o atual mandatário foi.

Você conhece nosso canal no YoutubeClique e se inscreva! Siga também no Instagram

ST


Compartilhe

2 thoughts on “Mário Bittencourt fala sobre possível SAF do Fluminense e revela atual dívida do clube: “Cerca de 740 milhões de reais”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *