Fernando Diniz fala sobre a vitória contra o Fortaleza: “Jogamos com inteligência”

Compartilhe

O Fluminense enfrentou o Fortaleza, fora de casa, e venceu a partida por 1×0, com gol de Luiz Henrique. Após o apito final, o treinador Fernando Diniz concedeu uma entrevista coletiva falando sobre essa vitória e fez um resumo da equipe durante os 90 minutos.

“O time se comportou de maneira excelente, porque nossa ideia era marcar mais alto, bem mais alto, mas quando não encaixa do jeito que a gente queria e o Fortaleza nos empurra para trás, fomos mais ainda para trás do que eles gostariam. Ficou carência grande de espaço no meio para a gente. Eles tiveram volume de jogada de linha de fundo, de escanteios, mas de chance clara de gol era muito parecido com a gente. Quando saímos, íamos com bolas limpas e chegamos com muito mais clareza do que o volume de ações que eles tiveram. Jogamos com inteligência, vontade e determinação. E poderia ser 2 a 0, porque na minha opinião tivemos um gol pessimamente anulado”, afirmou Fernando Diniz.

Você conhece nosso canal no YoutubeClique e se inscreva! Siga também no Instagram

 

O treinador do Fluminense falou sobre a mudança dos jogadores na hora da formação inicial de cada partida. Fernando Diniz também explicou o porquê de ter escalado quase os mesmos nomes do que a última partida do Flu.

“Antes do rodízio, tenho que botar a equipe com mais chances de vencer. Sempre é meu primeiro critério. Optei hoje (domingo) por essa formação, mesmo com muito pouco tempo de treinar, mas os jogadores corresponderam. Embora nada impeça que eu mude quando os laterais voltarem a treinar. Nesse momento foi a formação que encontrei”, disse o treinador Tricolor.

Fernando Diniz em entrevista coletiva após vitória contra o Fortaleza
Fernando Diniz elogia 

Confira mais respostas do treinador:

Próximo jogo

“Vamos pensar primeiro no próximo jogo. Nós temos chances de classificar, vamos pensar na estratégia. Conversar internamente, ver como estão os jogadores para definir quem vai para a partida”, afirmou Diniz.

Resumo do jogo

“Acho que soubemos aproveitar os espaços em campo. Nosso gol, que não estava impedido, foi uma jogada extraordinária do Caio Paulista e passe do Wellington. Acho que esses dois têm que ser exaltados. Queremos que o Fluminense jogue de maneira mais plástica. A gente sempre vai tentar fazer isso, a ideia era essa. Mas nosso plano B foi muito bem elaborado para nos defendermos bem. Depois do gol, existe naturalmente movimento de recuo, de maneira instintiva, o que não gosto de fazer. Time ficou dividido entre pressionar e se defender e quando fica assim fica mais perigoso. O Fortaleza podia causa mais danos. Mas, embora não pareça, a situação ficou bastante controlada. A chance que tiveram foi de bola parada e numa saída equivocada nossa, com um chutão”, concluindo o técnico Fernando Diniz.

ST,

Edu Marques


Compartilhe

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.