Vice-presidente do Fluminense, Celso Barros utiliza suas redes sociais para criticar atual gestão: “Só os amigos do Rei são escolhidos”

Compartilhe

Um dia após a derrota para o Atlético-GO, o vice-presidente do Fluminense, Celso Barros, usou suas redes sociais para criticar não apenas postura da equipe sob o comando de Marcão, mas também a gestão encabeçada pelo presidente Mário Bittencourt. Vale lembrar que o vice está afastado do cargo há mais de um ano.

Veja a declaração completa de Celso Barros:

Foto: reprodução

“Há dois jogos, Marcão fez a sua reestreia como técnico do Flu.

Infelizmente os resultados não foram bons. Disputamos 6 pontos e conquistamos 1. Aproveitamento de 17%.

Que é inferior ao do último colocado na tabela (27%).

Ele que teve o melhor aproveitamento entre os técnicos que dirigiram o time em 2019 e mesmo assim não foi mantido. Será que o presidente não confiava no seu trabalho?

Então, de forma rápida foi contratado o Odair Hellmann que abandonou o barco, faltando ainda 14 jogos para o término do campeonato.

Dizem até, que a direção se apressou na contratação, porque algumas pessoas falavam o nome do técnico Ariel Holan.

E aí retorna o Marcão para tentar manter o bom aproveitamento no Brasileirão, único resultado do ex-técnico positivo até o momento.

Neste aspecto atualmente o Flu parece um time de passagem. O próprio Odair e alguns jogadores chegam, tem algum brilho e deixam o Fluminense rapidamente, tentando valorização financeira e também de crescimento na carreira, como se não fossemos um dos maiores clubes do Brasil. Estaríamos nós vivendo uma crise de credibilidade?

Ao mesmo tempo os jogadores jovens são rapidamente valorizados e vendidos, não trazendo para o clube resultados efetivos quanto a conquista de títulos no futebol profissional.

Do outro lado, jogadores com idade mais avançada declaram a todo momento que adorariam encerrar a carreira no Fluminense. E com todo respeito a eles, também não trazem nenhum beneficio, em relação ao aspecto técnico.

É claro que em toda regra, existem exceções.

Enfim, o futebol do Flu continua a mesma mesmice. Não há ousadia. Só os amigos do Rei são escolhidos.

O Fluminense somos todos nós!!!”, bradou Celso Barros em sua postagem.


Compartilhe

4 thoughts on “Vice-presidente do Fluminense, Celso Barros utiliza suas redes sociais para criticar atual gestão: “Só os amigos do Rei são escolhidos”

  • 17/12/2020 em 17:01
    Permalink

    Francamente, Dr. Celso adorei a grana que o senhor depositou no Fluminense um tempo atrás via Unimed, éramos um time forte.
    Parou de cair a grana e sim, a credibilidade do Flu foi por água abaixo.
    Agora eu acho estranho que o Dr. aparece somente pra criticar, nesse comentário, dá até a entender que Odair fazia um serviço ruim a cargo do Flu.
    Pelo que percebi, Odair foi escolhido pois era uma boa opção e à disposição.
    Hoje, livre no mercado, pelo preço que a gente pode pagar, não sei se tem. Roger Machado, Thiago Larghi, ou Thiago Nunes talvez, embora não saiba o preço deles.
    As únicas falhas graves que eu notei nessa diretoria foram as não renovações com Dodi (pra mim, melhor volante da atualidade no Brasil) 6 meses atrás (foram deixar prós últimos 3 meses do ano, e os empresários picaretas surgiram), e do Marcos Paulo (que joga com uma vontade que parece que tá grávido de 9 meses).
    Por que o Celso nunca comenta que a diretoria pagou mais de 1 ano de salários em menos de 1 ano?

    Resposta
  • 17/12/2020 em 19:41
    Permalink

    Bastou jogar no FLUMINENSE em algum período do passado,que no futuro tera uma vaguinha no caridade futebol clube.

    Resposta
  • 17/12/2020 em 21:11
    Permalink

    PARA O BEM DO FLUMINENSE E DE SUA TORCIDA, MÁRIO BITTENCOURT, CELSO BARROS E CONSELHEIROS, TEM QUE SOFRER O IMPEACHMENT O MAIS RÁPIDO POSSÍVEL !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    Resposta
  • 18/12/2020 em 10:33
    Permalink

    Gostei do Celso barros , quem jogou bem no passado já era, desse jeito , vamos trazer o branco, o Edinho e Romerito , chega de Fred , já deu

    Resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *