Mário Bittencourt recebe maior número de votos na história das eleições do Flu e aumenta a porcentagem de 2019

Compartilhe

No último sábado (26), Mário Bittencourt foi reeleito presidente do Fluminense. O mandatário tricolor havia sido eleito pela primeira vez em 2019, mas quando comparamos as eleições dessa ocasião com a de 2022, vemos que Mário aumentou o seu número de votos e, também, o recorde de maior quantidade em eleições do tricolor.

Foto: Marcelo Gonçalves / Fluminense FC

Em 2019, Mário Bittencourt recebeu 2223 votos de 3286 totais nas eleições, atingindo, aproximadamente, 68% dos votos. Esse número foi o maior que um candidato recebeu em uma eleição presidencial no Fluminense. Já nesse ano, o mandatário foi eleito com 2623 de 3455 totais, alcançando algo perto de 72% dos votos e batendo o seu antigo recorde.

Além disso, quando se compara com o número de seus candidatos em suas duas eleições, percebe-se que a diferença também aumentou. Em 2019, Ricardo Tenório foi o seu principal algoz, e terminou as eleições com 1032 votos e 31% do pleito. Já em 2022, o seu principal rival ao cargo foi Rafael Rolim, que teve 799 e 23% dos votos totais.

Você conhece nosso canal no YoutubeClique e se inscreva! Siga também no Instagram

Mário Bittencourt será o presidente do Fluminense no próximo triênio, que começa em 2023 e termina em 2026. Em sua primeira coletiva como mandatário reeleito, ele informou a renovação de contrato com Fernando Diniz e que o ídolo Fred irá fazer parte de sua diretoria.

ST


Compartilhe

49 thoughts on “Mário Bittencourt recebe maior número de votos na história das eleições do Flu e aumenta a porcentagem de 2019

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *