Em coletiva após vitória nas eleições, Mário Bittencourt fala sobre SAF: “Há a possibilidade, mas não nos modelos vistos no futebol brasileiro”

Compartilhe

Em coletiva de imprensa dada por Mário Bittencourt após sua vitória nas eleições presidenciais, o agora mandatário reeleito do cargo foi questionado sobre o seguinte: O fato dele ter ganhado as eleições, foi um sinal de que a torcida do Fluminense não apoia a ideia do clube virar uma SAF?

Mário Bittencourt fala sobre SAF em coletiva
Foto: Marcelo Gonçalves / Fluminense FC

Mário Bittencourt novamente ressaltou o acordo que fez com Banco BTG para a busca por um investidor para o Fluminense e não descartou que, uma das possibilidades de investimento seria via SAF. Porém, seria em modelo diferente dos já feitos no Brasil.

A gente durante toda a nossa gestão deixou claro que assinamos um contrato com o banco BTG para que ele possa ir a mercado buscar por um investidor. E ele pode vir de três formas, que estão especificamente dentro desse trabalho de avaliação dos números do clube. Está no nosso panfleto de campanha que uma das possibilidades, seria sim, caso seja uma opção de um investidor que procure o Fluminense, que fosse um investimento via SAF, mas não nos modelos que são feitos no futebol brasileiro. Os que vimos até agora são de venda de controle, e não temos essa intenção. Queremos trazer o investidor para continuarmos pagando as dívidas e montar times melhores nesse binômio de recuperação de clube. Eu acho que já conseguimos ter um time competitivo e equacionar as dívidas. Mas esse tema é muito discutido no Brasil, mas pouco aprofundamento técnico sobre a discussão.

Além disso, o presidente reeleito também falou do porquê não achar a entrega do controle do Flu viável.

Você conhece nosso canal no YoutubeClique e se inscreva! Siga também no Instagram

Por que não vender o controle na nossa opinião? Porque a gente entende que o sócio-torcedor, sócio-proprietário, sócio-contribuinte, precisa continuar sendo as figuras mais importantes da competição, definindo o futuro do clube. Aí você vai me perguntar: “existem modelos assim no mundo?” Existem modelos aonde você tem investidor, mas não necessariamente precisa vender o controle do clube. E a gente vai tentar um modelo, e não necessariamente será a SAF. Há a possibilidade sim de trazer um investidor em outro modo, até porque existem outros clubes no Brasil que tem investimento e não tem SAF, com o Palmeiras, por exemplo. Existem diversas possibilidades de trazer um investidor. Então nossa ideia é trazer um e garantir a proteção dele, até porque ele quer o dinheiro dele protegido, e tem toda a razã. Mas existem diversas formas políticas e financeiras de proteger esse investimento e o Fluminense manter esse controle.

ST


Compartilhe

45 thoughts on “Em coletiva após vitória nas eleições, Mário Bittencourt fala sobre SAF: “Há a possibilidade, mas não nos modelos vistos no futebol brasileiro”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *