Mário afirma esforço para que Laranjeiras volte a sediar jogos, mas crê que só aconteça a partir de 2026

Compartilhe

Em coletiva concedida nesta terça-feira (30), o presidente Mário Bittencourt falou sobre o projeto de revitalização do estádio de Laranjeiras e na possibilidade do Fluminense poder voltar a jogar lá. O mandatário afirmou que o clube está nas tratativas para tornar isso possível, mas que por causa das questões burocráticas só seja possível a partir de 2026.

A revitalização de Laranjeiras é um sonho antigo da diretoria. O Fluminense não joga no estádio desde 2003 e Mário vê com bons olhos levar algumas partidas do Carioca para a sede do clube.

Marcelo Gonçalves/FFC

“O Fluminense e está buscando a venda do potencial construtivo de Laranjeiras para poder fazer a reforma. Esse potencial construtivo só pode ser usada para a propriedade, não podemos, por exemplo, contratar jogador com esse dinheiro. Isso é uma lei que precisa ser aprovada pela câmara do Rio de Janeiro. Estive recentemente com o Eduardo Paes e a tendência é que caminhe ao longo do ano. Se caminhar, faremos a venda do potencial construtivo e o dinheiro será investido na revitalização das Laranjeiras de maneira ampla. Assim, transformar em um estádio para jogos, com aproximadamente 6.500, 7.000, 8.000 pessoas. Para justamente usarmos neste início de ano, até mesmo para preservar o Maracanã. Temos o projeto pronto e se obtivermos esse benefício mostraremos para vocês. Mas para deixar bem claro não é algo para agora e nem início de 2025. A obra se for aprovada podemos começar este ano, mas pela questão burocrática não creio que teremos o estádio funcionado daqui um ano. É um legado para a partir de 2026”, falou Mário Bittencourt.

Você conhece nosso canal no YoutubeClique e se inscreva! Siga também no Instagram


Compartilhe

2 thoughts on “Mário afirma esforço para que Laranjeiras volte a sediar jogos, mas crê que só aconteça a partir de 2026

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *