Fluminense não passa do empate com o Ceará no Maracanã

Compartilhe

O Fluminense entrou em campo na noite desta segunda-feira, no Maracanã, precisando da vitória para se distanciar de vez da zona do rebaixamento e começar a sonhar com a tão sonhada zona de classificação ara a Libertadores. Em um jogo com 23 mil torcedores presentes, o tricolor ficou no empate com Ceará por 1 a 1. O resultado apenas tira o Time das Laranjeiras da zona do rebaixamento e ainda colocou mais incertezas na torcida, alguns gritaram “time sem vergonha”.

Antes do partida começar, o tricolor apresentou oficialmente o meia Nenê. O atleta de 37 anos se mostrou feliz em estar vestindo a camisa do Fluminense e que está no Reino do Laranjal para ajudar o grupo a conquistar o títulos.

“Estou aqui para ajudar. Onde me colocarem estarei feliz. Quero ajudar de qualquer maneira. Isso não vai ser problema nenhum. Mesmo sendo “velho” para o futebol, estamos sempre aprendendo. Foram meses de muito aprendizado no futebol.”

A partida

Você conhece nosso canal no YoutubeClique e se inscreva! Siga também no Instagram

O Fluminense começou o jogo tentando impor o seu estilo de jogo com a troca de passe, porém a equipe estava nervosa errando passes bobos com a marcação do Ceará. A primeira chance real de gol do tricolor foi aos 6 minutos de jogo, quando Ganso consegue um cruzamento primoroso para Caio Henrique, o lateral dominou, avançou e cruzou para área, Pedro apareceu sozinho, meio sem ângulo, mas cabeceou para fora.

Quando o relógio marcava dezesseis minutos do primeiro tempo foi quando o Flu começou a marcar a saída de bola do time nordestino e na transição conseguiu as melhores jogadas. João Pedro duas ótimas oportunidades, e as duas jogadas foram pelo lado esquerdo e acabaram sendo salvas pelo goleiro do time deles.

Na metade do primeiro tempo, o Flu comandava completamente as ações da partida, mesmo quando o Ceará recuperava a bola, a equipe tricolor corria atrás da bola perdida e marcava a saída de bola e foi assim que tivemos a melhor chance da partida até então. Com uma roubada de bola na intermediária da defesa do Ceará, Gilberto encontrou João Pedro na ponta direita e tocou rasteiro para Pedro na marca do pênalti, P9 finalizou em cima da zaga, que fez a bola sobrar para Yony Gonzalez, dentro da área, pela esquerda e conseguiu fazer excelente finalização, mas o goleiro deles conseguiu fazer uma ótima defesa.

O Fluminense levou o primeiro susto aos 32 minutos do primeiro tempo, Danielzinho cobrou escanteio muito mal e o time do Ceará conseguiu armar o contra-ataque, para o atacante do time deles não chegar cara a cara com Agenor, Gilberto fez falta próximo a entrada da área. Na cobrança Ageneuer fez brilhante defesa para salvar o que seria o primeiro gol da partida e da equipe do Ceará.

No final do primeiro tempo quem apresentava um excelente futebol era Danielzinho, o camisa 20 tricolor, conseguia articular as jogadas com dribles sobre a marcação a adversária e também tem uma característica de dominar a bola e girar, o que acabava confundindo a defesa e bons ataques do Flu.

Aos 40 minutos, o Flu conseguiu fazer o gol e Pedro pode ter a redenção com a torcida fazendo o gol que botava vantagem ao Fluzão na partida. A jogada começou com escanteio cobrado por Daniel e Nino desviou para encontrar Pedro sozinho para apenar a bola para o fundo das redes. Inicialmente o bandeirinha havia marcado o impedimento, mas o VAR entrou em ação e validou o gol.

Após o gol o nosso P9 estava jogando muito bem, já nos acréscimos do primeiro tempo, em jogada trabalhada pela direita com João Pedro, Pedro deu um corta luz no zagueiro e finalizou forte para a defesa do goleiro.

No último minuto do primeiro tempo o Ceará conseguiu o seu gol de empate. Após cobrança de escanteio teve um bate rebate na área e a bola sobrou para Tiago Alves e ele conseguiu marcar um belo gol de bicicleta. 1 a 1 e fim da primeira etapa.

2 º tempo

O Flu começou a segunda etapa tendo uma excelente oportunidade com João Pedro e o goleiro deles defendeu. A partida estava no controle do Fluminense, mas em uma bobeada da defesa dois jogadores do Ceará ficaram sozinhos e marcaram o gol da virada do Ceará. Mas o VAR foi acionado e anulou o gol. Quem diria o VAR por duas vezes marcando algo a favor do tricolor.

Depois do susto, Fernando Diniz resolve por o time para frente e colocou Marcos Paulo no lugar do volante Iury. Com a substituição o meia Daniel passou a fazer a função de homem de contenção do Fluminense. O que acabou dando chances de contra-ataque para a equipe do Ceará.

Aos 25 minutos o trio de ataque do tricolor flutuava na defesa do Ceará e mudavam de posições a todo momento, cada vez um fazia a posição de centro-avante.

Tentando reparar alguns erros individuais Fernando Diniz tira Gilberto, que estava mal na partida e coloca em campo Igor Julião.

Por alguns momentos a equipe do Fluminense se mostrava muito lenta, o que acabava facilitando para a defesa do time Ceará, a torcida desesperada por um gol que levasse o time a vitória pedia o menino Miguel em campo que foi destaques nos treinos realizados no CT durante a parada da Copa América.

Na busca incessante pelo gol da vitória aos 42, o tricolor quase marcou com excelente cabeçada de Pedro e defesa sensacional do goleiro do Ceará, que concedeu o rebote, mas Yony Gonzalez furou a bola e acabou com a oportunidade.

E Fernando Diniz acabou atendendo os anseios da torcida tricolor no Maracanã, aos 43 minutos Miguel entrou no lugar de João Pedro. Ao fim dos 45 minutos regulamentares, o árbitro da partida assinalou mais dez minutos de acréscimo. As oportunidades que o Fluminense conseguiu em campo na sequência não foram suficientes para vazar o goleiro deles. Fim de jogo, 1 a 1!

ST!

 

 

 

 


Compartilhe

One thought on “Fluminense não passa do empate com o Ceará no Maracanã

  • 16/07/2019 em 09:10
    Permalink

    No esquema do Diniz, não cabem Pedro e J. Pedro. Um é reserva do outro. Precisamos de alguém rápido pelo lado.
    O time embola com a retranca adversária.

    Resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.