Exclusivo – A entrevista completa de Fernando Leite

Compartilhe

O presidente do conselho deliberativo do Fluminense , Fernando Leite, conversou com a equipe do SaudaçõesTricolores.com falando sobre o principal assunto que toma conta da torcida tricolor: a data das eleições , após a mudança do estatuto. Fernando comentou também que não há divergências com o Abad sobre a data do pleito. Confira todas as respostas aqui:

Quando irá se realizar as eleições

“No início do ano houve a mudança de estatuto que prevê a antecipações das eleições , que iriam acontecer na segunda quinzena de novembro. E essa mudança de estatuto gera uma burocracia de se regularizar tudo, pois uma nova eleição sem a regularização da mudança do estatuto não valerá de nada. Agora cabe ao Pedro Abad, como presidente do conselho diretor e a mim como presidente do conselho deliberativo e presidente da assembléia geral faremos um regulamento para as eleição e faremos o pleito numa data acordada.”

Você conhece nosso canal no YoutubeClique e se inscreva! Siga também no Instagram

As eleições poderão ser realizadas após 30 dias da convocação?

“Na realidade esse período é um período de secretaria de verificação das chapas, dos candidatos,se existe um conselheiro em mais de uma chapa, Não pode haver nome de beneméritos do clube nas chapas. Caso isso seja verificado, a chapa será notificada e terá uma semana para se ajustar. Então acredito que 45 dias entre a convocação e a eleição será o suficiente para podermos ter uma eleição justa , com transparência , republicana”

Quem poderá votar ?

“Para votar o sócio contribuinte terá que ter no mínimo um ano de associado, assim como o sócio futebol terá que ter no mínimo de dois anos para votar. Quem se sentir lesado por não poder votar seja como sócio contribuinte ou sócio futebol deverá procurar o poder judiciário”

Os momento político está mais calmo no Fluminense?

“Sim está mais calmo, sobretudo para o presidente Abad. Tudo isso é reflexo do momento do futebol, provavelmente esse é o melhor time que tivemos dos três ( 2017 -2018 -2019 sobre o mandato de Pedro Abad) , ainda com perspectivas de novas contratações e da volta do Pedro e briga por título não só no estadual , mas sim no brasileiro , sul-americana, Copa do Brasil. Então com o time indo bem, a pressão tende a diminuir.

Já fez parte de algum grupo político e pretende se posicionar na próxima eleição?

Na última eleição eu apoiei Cacá Cardoso, mas eu não faço parte de nenhum grupo político no Fluminense. Em relação as próximas eleições minha posição inicial será de neutralidade pois sou presidente do conselho deliberativo e presidente da assembléia geral, não posso ter nenhuma tendência. Como eleitor é claro que vou ter meu lado.

Existe alguma colisão com Abad?

” Não existe rota de colisão porque eu não estive com o Abad para tratar de data – para a eleição- , como posso estar em colisão com ele? .Eu sou o presidente do conselho deliberativo , um poder do clube , o Abad é presidente do conselho direto, outro poder do clube e nosso relacionamento institucional é maravilhoso e eu estou sempre pronto para ajudar o Fluminense dentro das minhas responsabilidades. Não vou dizer que grandes amigos desde a infância, mas tenho uma relação boa e nos tratamos muito bem. “


Compartilhe

6 thoughts on “Exclusivo – A entrevista completa de Fernando Leite

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *