Dupla ex-Flu cobra cerca de 1,2 milhão do clube na justiça

Compartilhe

Mais um para a lista de processos financeiros contra o Flu. Desta vez, Mateus Gonçalves – atualmente no Ceará – e Mateus Norton – recentemente sem contrato – entraram na justiça a fim de exigir atrasados do clube. O total, quando se soma os dois processos, chega a exatamente 1.226.459,66 reais.

O atleta que nos dias atuais joga no futebol nordestino, Mateus Gonçalves, chegou ao Fluminense no início do ano da temporada passada por empréstimo de um ano junto ao Zacatepec, do México. Entretanto, se manteve apenas 3 meses no tricolor das laranjeiras e foi cedido para o Ceará. No que diz respeito à sua ação, o jogador alega que recebeu somente 18.500 reais de sua remuneração, sendo que seu salário era de 110.000 reais e seu direito de imagem girava em torno de 60.000 reais.

Confira todos os valores cobrados pelo atacante: 87.599,99 reais de salários atrasados; 241.100,00 reais de direitos de imagem pendentes; 48.888,88 reais de férias proporcionais; 35.520,00 reais de FGTS; 187.077,77 reais de multa; 135.027,99 reais de honorários. Ao somar todos esses valores chega a um total de 1.035.214,63 reais.

Você conhece nosso canal no YoutubeClique e se inscreva! Siga também no Instagram

Por outro lado, Mateus Norton chegou ao tricolor ainda nas categorias de base. Alcançou o time profissional no ano de 2017 e rescindiu o contrato em 2019 – tendo jogado apenas 32 partidas – com o propósito de se transferir ao futebol ucraniano. No que se refere a valores exigidos, o volante, que detinha um salário de 20.000 reais, cobra 41.333,33 reais de remuneração atrasada; 28.888,89 reais de férias; 644,47 reais de bicho; 40.000,00 reais de FGTS; 55.433,34 reais de multas e 24.945,00 reais de honorários advocatícios. Somado todos esses valores, Mateus Norton cobra um total de 191.245,03 reais.

ST

Fonte: Esporte News Mundo e GloboEsporte.com


Compartilhe

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *