Após derrota no Fla x Flu, Felipe Melo avalia o jogo e comenta sobre a próxima partida: “Trabalhar em silêncio”

Compartilhe

O Fluminense foi superado neste sábado (09/03) pela equipe do Flamengo por 2 a 0, em partida válida pela semifinal do Campeonato Carioca. Ao término do jogo, o zagueiro e capitão Felipe Melo concedeu entrevista na saída de campo e comentou a respeito da atuação do Fluminense. Na opinião do atleta, o Tricolor teve controle do jogo até a expulsão de Thiago Santos e muito provavelmente a equipe buscaria o empate.

 

“Até o momento da expulsão o Fluminense foi bem melhor. O jogo se desenhava para um possível empate. Depois da expulsão, tivemos que correr pra caramba e marcar. Infelizmente, tomamos o gol no final.”- afirmou o capitão do Flu.

Foto: Lucas Merçon/Fluminense FC

Perguntado sobre a sequência de derrotas do clube, Felipe disse que o time não pode “deixar as coisas do externo contaminarem o interno”, fazendo referência a pressão gerada pelos resultados recentes do time.

Você conhece nosso canal no YoutubeClique e se inscreva! Siga também no Instagram

 

“A gente não pode deixar coisas do externo contaminar o interno né? Nós temos que entender que enfrentamos uma equipe que é sempre muito difícil de jogar, é um clássico. As pessoas tem que entender isso um pouquinho e não se deixar contaminar por alguma parte da mídia que faz de tudo pra contaminar.” – disse o zagueiro.

 

Felipe Melo também falou sobre a possibilidade de reversão do resultado adverso da primeira partida, visto que o Time de Guerreiros precisa buscar uma vantagem de no mínimo três gols de vantagem para conseguir a classificação para a final do Cariocão. O camisa 30 afirmou que no momento o clube irá “trabalhar em silêncio”.

 

“Acho que no Carioca passado nós metemos quatro, não é? Que saímos perdendo o primeiro de 2 a 0. É difícil, muito difícil, mas nesse momento é trabalhar em silêncio.”


Compartilhe

9 thoughts on “Após derrota no Fla x Flu, Felipe Melo avalia o jogo e comenta sobre a próxima partida: “Trabalhar em silêncio”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *