SOB A LUZ DO REFLETOR – Erro Zero!

Compartilhe

Depois de um belo final de primeiro turno, com uma série invicta e boas vitórias o Flu foi derrotado no início dessa segunda etapa do campeonato pelo Grêmio, jogando um balde de água fria no torcedor mais esperançoso. Muitos levaram como “cair na realidade” e outros como apenas uma apresentação equivocada do time.

Precisamos ir mais além dessas analises superficiais que visam qual a posição verdadeira do elenco no campeonato. Se fosse realidade essa conclusão, para que competir? O time de melhor elenco levanta a taça e segue o enterro. Ou peguem a ordem dos maiores investimentos e disponham na tabela, classificando os 6 primeiros para libertadores. Não precisaríamos jogar.

Depois de uma clara evolução, o elenco dirigido pelo Odair Mourinho, alcançou o G4 e agora segura a quinta posição. Enfrenta dois jogos complicadíssimos fora de casa agora, contra Palmeiras e Inter, após a péssima atuação contra  Grêmio. O que podemos esperar desse elenco? Na minha concepção, que não erre.

Você conhece nosso canal no YoutubeClique e se inscreva! Siga também no Instagram

Para se manter no topo do campeonato, pertos dos líderes ou dentro do G6 , que nos daria a pré libertadores pelo menos, o Fluminense não pode errar. Impossível, dirão os mais céticos, mas somos o Fluminense e tudo é possível. Para começar nosso treinador não pode errar na escalação e na estratégia dos jogos. Como pode o Odair escalar um meio com 3 jogadores, com W. Silva e Caio Paulista abertos e Fred no comando de ataque? O adversário era o Grêmio, famoso pelo toque de bola no meio de campo e com contra ataque forte. O Flu vem com 3 no meio e começa muito mal. Melhora um pouco e leva um contra ataque mortal com vários erros da equipe. Araújo perde a bola tentando driblar 2 ou 3, Lucas Claro não acompanha o atacante e o Julião chega 2 anos atrás do Pepê.

Porque Caio Paulista e não Luís Henrique? Porque W. Silva e não Ganso ou Marcos Paulo, que pelo menos fecham mais o meio do campo? O erro foi tão claro que Odair fez substituição no intervalo, coisa raríssima em sua carreira, e logo duas para deixar claro o equivoco.

Não pode. Esse elenco do Flu para ficar entre os melhores não pode errar. É erro zero. Não pode dar mole na escalação, não pode dar mole na marcação, não pode perder gol, não pode errar nas substituições, seja por opção ou por omissão…Não pode! “Ah , esquece, sempre vamos errar em alguma situação dessas!” Então meu amigo, nossa posição será em torno da décima e aceite isso. Nem os melhores elencos do campeonato podem se dar o luxo de errar, se quiserem o título, portanto não será o Flu que terá essa liberdade de ficar errando, errando e achar que vai chegar a algum lugar.

Odair faz sim um bom trabalho, não foi só sorte que nos levou a quinta posição, mas também cometeu, e ainda comete, muitos erros. Ou o Fluminense começa a zera-los ou vamos cair de posição na tabela.

Toque Curto:

  • Não foi só Odair que errou. A atuação de vários jogadores foi para esquecer. Eles também precisam minimizar demais seus erros.
  • O erro nunca será zero com a escalação do Julião.
  • Os sonhados 7 pontos nesses três jogos iniciais de turno já eram. Correr atrás de 4 ou 6 para animar de vez o time e a torcida.
  • Parabéns ao Fluzão pelo seu dia (ontem dia 12/11). Orgulho da nossa camisa e da nossa história.
  • Saudades, Assis!

SDT


Compartilhe

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.