Joia de Xerém, goleira Mariana é apresentada no Internacional; Fluminense manteve direitos econômicos futuros

Compartilhe

A goleira Mariana é mais uma joia de Xerém a se despedir do Fluminense, mas dessa vez foi diferente. A negociação com o Internacional se tornou um marco para o clube, que manteve 50% de direitos econômicos futuros da atleta – a outra parte é do Colorado – , algo inédito no futebol feminino tricolor. O anúncio da contratação aconteceu no inicio desta semana.

Foto: Marina Garcia/FFC

A arqueira chegou ao Fluminense em 2021 vinda do Vilavelhense, do Espírito Santo. De pronto, se destacou no Brasileirão Sub-18 e depois no Estadual, atuações que lhe renderam frequentes convocações para a Seleção Sub-17. Inclusive, foi a primeira jogadora tricolor a representar as três cores em um Mundial – a Copa do Mundo Sub-17 de 2022, na Índia.

Seguindo o tradição de goleiras decisivas e pegadoras de pênalti, a capixaba foi fundamental na semifinal do Carioca Sub-18, que levaria o Flu ao título inédito nas Laranjeiras. Em 2022, mesmo com a pouca idade, já foi integrada ao elenco principal do clube, atuando em dois jogos do Campeonato Brasileiro A2.

Você conhece nosso canal no YoutubeClique e se inscreva! Siga também no Instagram

Goleira Mariana, do Fluminense, convocada para a Copa do Mundo Feminina Sub-17
Foto: Rafael Ribeiro/CBF

Por conta desta história e relação com o Tricolor, o empresário da goleira e o clube estavam apalavrados de que ela não sairia de graça. O representante afirmou também que “há muita gratidão por tudo que o Fluminense fez por ela”, citando nominalmente a gerente Amanda Stork.

Clubes como Flamengo e Grêmio demonstraram interesse na contratação de Mariana – apenas o time gaúcho formalizou -, mas a escolha foi pelo Internacional. A decisão foi tomada pelo desejo da atleta em atuar no time e pela projeção que os jovens goleiros formados na casa recebem – como Gabi Barbieri, um dos expoentes na posição e titular da Seleção Sub-20.

No acordo, o Fluminense manteve metade dos direito econômicos futuros da jogadora, dividindo a outra metade com o Inter. No novo clube, Mariana será integrada ao time principal como era feito no Flu. No entanto, se não estiver sendo utilizada, poderá “descer” apenas para jogar.

 

 


Compartilhe

897 thoughts on “Joia de Xerém, goleira Mariana é apresentada no Internacional; Fluminense manteve direitos econômicos futuros